Colheita - Seiva de Bétula

É durante o Verão e o principio do Outono que a bétula começa a sua preparação para o “milagre” da primavera, quando flui uma corrente descendente de seiva, muito rica em nutrientes, que serão armazenados nas raízes da árvore durante o longo período do inverno em que a árvore hiberna.

 

No início da primavera , depois do longo inverno gélido, nas florestas remotas da Europa Setentrional e Oriental, as velhas bétulas prateadas (Betula Pendula) regressam de novo à vida, acordando para uma nova primavera verdejante. Durante um curto período, os preciosos nutrientes armazenados nas raízes durante o inverno, são bombeados para os ramos por um fluxo de seiva que promove o desabrochar das folhas.